Como Funciona a multitecnologia cgr Cuiabá para o tratamento de resíduos sólidos:

 

PROCEDIMENTO PARA RECEBIMENTO DE RESÍDUOS SÓLIDOS NO CENTRO DE GERENCIAMENTO DE RESIDUAIS CUIABÁ – “CGR – CUIABÁ”

Como funciona a operação para recebimento e destinação final?

- Ao chegar no aterro da CGR o caminhão é pesado, conferido a carga com a caracterização do resíduo e realizada análise laboratorial da mesma.

- Os resíduos são descarregados na célula do aterro previamente impermeabilizada.

- Logo após a descarga os resíduos são compactados e cobertos com uma camada de terra.

- Ao término de cada célula, planta-se grama para evitar a erosão do solo.

Quais critérios básicos considerados para a construção do aterro ?

A área deve ter o solo de preferência muito impermeável, estar afastada dos centros urbanos e próxima a rodovias. Ela também deve estar preferencialmente afastadas aos corpos d’ águas e nem estar situada sobre aqüíferos ou regiões de reposição destes. Estes fatores não são impeditivos, mas favorecem para a aprovação da área, na operação do aterro e maior garantia de proteção do meio ambiente.

Quais os tipos de resíduos que a CGR-CUIABÁ recebe ?

A CGR-CUIABÁ recebe no aterro para disposição final resíduos classe IIA** e IIB*** e classe I* para armazenamento temporário.

*Classe I - Resíduos Perigosos: são aqueles que apresentam riscos à saúde pública e ao meio ambiente, exigindo tratamento e disposição especial em função de suas características. Por exemplo: Resíduos contaminados com algumas substâncias químicas e resíduos de saúde.

 **Classe IIA - Resíduos Não-inertes: são os resíduos que não apresentam periculosidade, porém não são inertes; podem ter propriedades tais como: combustibilidade, biodegradabilidade ou solubilidade em água. Por exemplo: areia de fundição, sucatas de materiais ferrosos e não ferrosos, papel e papelão, alimentos com prazo de validade vencidos, resíduos domiciliares, etc.

 ***Classe IIB - Resíduos Inertes: são aqueles que não se degradam ou não se decompõem quando dispostos no solo. Estão nesta classificação, por exemplo, os entulhos de demolição, pedras e areias retirados de escavações. Muitos destes resíduos podem ser reaproveitados através de separação.

Quais são as providências necessárias que devem ser tomadas para que os resíduos sejam destinados ao aterro da CGR-CUIABÁ ?

 - O cliente entra em contato com a CGR-CUIABÁ e recebe uma visita de um de nossos representantes.

- Deve ser dado o aceite da proposta de destinação.

- No caso de clientes com resíduos comerciais e urbanos, assim que a proposta for aceita a empresa pode dar inicio à destinação no aterro sanitário.

- Aos clientes com resíduos industriais, a CGR-CUIABÁ disponibiliza uma Carta de Anuência, que é um documento que certifica a recepção do resíduo pelo aterro.

- A Carta de Anuência deve ser encaminhada ao órgão ambiental, para a emissão do Certificado de Aprovação para Destinação de Resíduos Industriais.

- Assim que a autorização for emitida pelo SEMA-MT, a empresa pode destinar seus resíduos para a CGR-CUIABÁ.

O que é a Autorização para Destinação de Resíduos Industriais e para que serve ?

A autorização para Destinação de Resíduos Industriais é um documento que serve para que seja aprovado o encaminhamento de resíduos industriais a locais de reprocessamento, armazenamento, tratamento, disposição provisória ou disposição final, licenciados ou autorizados pela SEMA-MT.

Quais os procedimentos necessários para a emissão da Autorização de Destinação de Resíduos Industriais?

O interessado comparece na SEMA-MT, onde recebe a orientação para a formalização do pedido da autirizacao. A documentação necessária para formalizar o pedido dessa autorização é constituída de:
- Informativo fornecido pela SEMA-MT, contendo as informações sobre geração, composição e destinação de resíduos industriais;
- Carta de Anuência, do local de destino dos resíduos;
- Licença e autorização específica do órgão ambiental do Estado de destino, quando se tratar de encaminhamento a outro Estado;
- Comprovante de pagamento: no ato de entrega da documentação completa e correta, será fornecida a guia para pagamento de preço correspondente à análise e expedição do certificado, calculado com base na regulamentação pertinente vigente. Após efetuado o pagamento, o correspondente comprovante deve ser entregue na agência para ser anexado à documentação;
- Emissão do gerador de nota fiscal para os resíduos classe IA;

- Procuração, quando for o caso.

 O que é IQR ?

O IQR – Índice de Qualidade de Aterro – é um índice que através da união e análise de algumas informações, avalia com base em uma pontuação de 0 a 10 a qualidade dos aterros. Para isso, a SEMA-MT leva em consideração alguns fatores como a vida útil do aterro, características do solo, isolamento da área, sistema de monitoramento, operação, tecnologias empregadas entre outros.

Em função da apuração dos pontos um empreendimento é enquadrado como inadequado, controlado ou adequado.

Como é tratado o chorume proveniente da decomposição dos resíduos ?

 Para evitar que o chorume cause qualquer dano ao solo ou às águas superficiais, o líquido é capitado por drenos e conduzido a um tanque de armazenamento. Em seguida o líquido é encaminhado para estações de tratamento de esgoto, isto acontece diariamente.